Conheça a história de Cláudio Cunha e sua relação com o Atacadão

03/08/2022

4min

Nascido na pequena cidade de Altônia (PR), no noroeste do Paraná (hoje com 22 mil habitantes), Cláudio, aos 19 anos, foi para São Paulo. A partir desta mudança, iniciou sua vida profissional como vendedor: “Eu vendia cestas básicas de porta em porta”. Alguns anos depois, seu irmão Genivaldo se uniu a ele e assim, ambos se tornaram representantes comerciais. 

 

O empreendedor foi surpreendido com uma nova oferta de trabalho

Em uma de suas visitas habituais, em meados de 2088, Genilvado recebeu a proposta de se vincular a um estabelecimento, junto de um determinado cliente. A loja se chamava Shopping Real Lar, ficava no bairro de Guaianazes, capital paulista. Seu segmento era tudo por 1 real, na época, vendia-se se tudo como: bebidas, congelados, produtos de limpeza e até mesmo objetos de decoração para casa, o estoque era completo. Suas expectativas eram ótimas, para tentar fazer dar certo e assim, poder lucrar de forma significativa. 

 

Cláudio conta que seu irmão foi um grande pilar para definir onde seria feito as compras dos produtos. “ O Genivaldo foi o pioneiro na ideia de fazer as compras no Atacadão, para abastecer a loja, inclusive conseguiu mobilizar outros comerciantes a realizarem o mesmo”. 

 

Infelizmente o negócio em São Paulo, não andou como o esperado depois de um tempo e Genivaldo decidiu voltar para o Paraná (mais especificamente a Maringá). Foi assim que então, decidiu retomar sua loja, junto ao seu irmão, Cláudio, mas agora como sócio. Planejaram bastante, desta vez, tudo desse certo. Conforme o tempo, a ideia deixou de ficar apenas no papel, o que antes era apenas um sonho, hoje se tornou uma realidade muito próspera e importante. 

 

Seu empreendimento cresceu sendo reconhecido em diversos lugares

 

Agora, com o nome de Super Real Lar, a rede de utilidades já possui 16 lojas. Sendo 14 no Paraná, em cidades como Ponta Grossa, Curitiba, Maringá, Londrina, Cambé. Dispõe também mais duas em São Paulo, Marília e Campinas. As lojas são de tamanho entre 250 e 700 m². Conta com 600 funcionários e em torno de 15 mil itens cadastrados, desde produtos alimentícios, ferramentas e objetos de decoração. Além disso, toda a rede conta com uma ótima fiscalização, para prevenção de perdas

 

Vínculo com o Atacadão

 

Sua relação com o mercado Atacadão, embora Cláudio comande apenas a loja que fica em Ponta Grossa, ele recorda que a Real Lar compra do Atacadão em todas as cidades onde atuam. “Temos as portas do Atacadão sempre abertas, em qualquer lugar que estivermos, para não deixar o estoque parado. Tudo é ótimo, somos sempre muito bem atendidos e quanto aos preços: tudo muito em conta”. Finaliza dizendo.      

 

Deixe uma resposta

Página Inicial